Ana Carolina Martins da Silva. Educadora. Ambientalista. Poetisa. Ativista Social. Bonequeira.

Arquivo para a categoria ‘APEDEMA RS’

Já está no “ar” o vídeo do 3º Encontro: “A Tragédia dos Comuns e a Gestão do Espaço Urbano” (17/08/2018)com Francisco Milanez (AGAPAN/APEDEMA-RS)

O  urbanista Francisco Milanez  (AGAPAN) – Mestre e Doutorando em Educação em Ciências. Arquiteto, biólogo e terapeuta – atuando sob a indicação da APEDeMA-RS; e o Prof. Dr. Celmar Corrêa Oliveira apresentam o 3º encontro do ciclo de palestras e debates em torno da obra “A tragédia dos Comuns” (HARDIN, 1968): “A Tragédia dos Comuns e a Gestão do Espaço Urbano”.

É importante destacar que esse Encontro será em Agosto, após o retorno letivo da Uergs, no dia 17/08/2018. Também importantíssimo registrar uma ERRATA: Citei esse como o último encontro, mas o Ciclo de Palestras prevê 06 (seis), os quais já estão sendo organizados pelo Grupo de Pesquisa da Uergs, sob a Coordenação do Prof. Celmar, e estarão sendo divulgados nesse canal assim que confirmados palestrantes e datas.

Clique aqui para ver o Prof. Dr. Leonardo Beroldt e Prof. Dr. Celmar Corrêa Oliveira apresentando o 2º Encontro do ciclo de palestras e debates em torno da obra “A tragédia dos Comuns”  Hardin (1968): “A relação da Tragédia dos Comuns com o Desenvolvimento Regional” – ocorrido no Dia 29/06/2018, no Campus Central da Uergs.

Prof. Leonardo Beroldt e Prof. Celmar Oliveira (Uergs)

Clique aqui para conferir a apresentação do Prof. Dr. Celmar Corrêa Oliveira sobre os três encontros do ciclo de palestras e debates : “A Tragédia dos Comuns Hoje: Seu Legado no Desenvolvimento de Políticas Públicas” – Uergs/Porto Alegre. Promoção: Grupo de Pesquisa Políticas, Gestão Pública e Desenvolvimento Uergs/CNPq e Mestrado em Ambiente e Sustentabilidade da Uergs. Apoio: CARAV e APEDEMA/RS.

Prof. Celmar Oliveira e Prof. Ricardo Letizia (Uergs)

Fotos dos Encontros a cargo de Diego Françoes de Souza, graduando em Administração Pública da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, bolsista do Projeto.

Anúncios

Dionil Machado Pereira – UPPAN – Dicas Ecológicas para pensar sobre as Eleições/2018.

Vídeo integrante do Projeto: “A Ecologia e as eleições de 2018”, que visa popularizar ideias, dicas e atitudes de ecologia para pautar os planos de governo a serem apresentados; e as tomadas de decisão de voto nas eleições de 2018.

Dionil Machado Pereira UPPAN

Os vídeos contam com importantes parcerias dentre ONGs filiadas à APEDEMA-RS, bem como, outros Movimentos Sociais, docentes de Universidades e pessoas das mais diversas tendências filosóficas que se preocupam com um Plano de Vida Plena e Sustentável para todos. A promoção do Projeto é uma ação conjunta entre as ONGs Grupo Ecológico Sentinela dos Pampas (Passo Fundo/RS) e Associação São borjense de Proteção ao Ambiente Natural (São Borja/RS).

CRÉDITOS

Audio via whatsapp: Dionil Machado Pereira -UPPAN – União Pedritense de Proteção ao Ambiente Natural/Dom Pedrito/RS

Imagens: Redes Sociais; Foto com logotipo do WhatsApp: Justin Sullivan – Gettyimages980.

Edição: Ana Carolina Martins da Silva -GESP- Grupo Ecológico Sentinela dos Pampas/Passo Fundo/RS; ASPAN- Associação Sãoborjense de Proteção ao Ambiente Natural/São Borja/RS

Trilha Sonora: Coberta de Alma – Ivan Therra (Gentilmente cedida pelo artista para uso desse Canal)

Porto Alegre-RS – 02/07/2018

Clique aqui e assista também o Vídeo 1 desse Projeto: Plataforma da SOS Mata Atlântica para as eleições 2018 – Mário Mantovani. Para acessar a Plataforma da SOS Mata Atlântica, Clique aqui.

Mário Mantovani SOS Mata Atlântica

Prof. Dr. Leonardo Beroldt e o 2º Encontro Tragédia dos Comuns – O vídeo

O que fazer com os Bens Comuns? Água doce, florestas, oceanos, biodiversidade? Hardin e Ostrom apontaram caminhos. Saiba como!

Prof. Dr. Leonardo Beroldt e Prof. Dr. Celmar Corrêa Oliveira apresentam o 2º Encontro do ciclo de palestras e debates em torno da obra “A tragédia dos Comuns” popularizada pelo biólogo Garrett Hardin (1968): “A relação da Tragédia dos Comuns com o Desenvolvimento Regional” – Debatedor: professor Leonardo Beroldt – Dia 29/06/2018 – Campus Central da Uergs/Porto Alegre.
Promoção: Grupo de Pesquisa Políticas, Gestão Pública e Desenvolvimento Uergs/CNPq e Mestrado em Ambiente e Sustentabilidade da Uergs.
Apoio: CARAV e APEDEMA/RS.

Clique aqui para conferir com o Prof. Dr. Celmar Oliveira sobre os três Encontros.

CRÉDITOS
Imagens do Prof. Beroldt e do Prof. Celmar e Edição de Vídeo:
Profa. Ana Carolina Martins da Silva – Docente da Uergs e associada das ONGs Membros da APEDEMA/RS – GESP e ASPAN:
Grupo Ecológico Sentinela dos Pampas – Passo Fundo/RS,
Associação São Borjense de Proteção ao Ambiente Natural -São Borja/RS.
Imagens das capas de Jornal e de Revistas:
Web/Busca Google; Site do Jornal “JÁ”; Site da Uergs/ASSCOM-Uergs; Blog de Rafael Rangel Winch; dentre outros.
Fragmento sobre Ostrom: CAPELARI, M.G.B; CALMON,P.C.D.P; ARAÚJO, S.M.V.G.de. Vicent e Elinor Ostrom: duas confluentes trajetórias para a governança de recursos de propriedade comum. Disponível em Cielo: Ambient. soc. vol.20 no.1 São Paulo Jan./Mar. 2017.
Agradecimentos:
Grupo de Pesquisa Política, Gestão Pública e Desenvolvimento UERGS/CNPq – Bolsistas: José Piethro Santos da Silva, Diego Françoes de Souza, Laura Ferraz Bäick,
Trilha Sonora: Bridges – Dan Lebowitz – Mídia Livre
Biblioteca de Audio do Youtube – Porto Alegre/RS – Brasil – 26.6.2018.

Prof. Celmar Oliveira e os três encontros sobre “A tragédia dos Comuns” – O vídeo.

Prof. Dr. Celmar Corrêa Oliveira apresenta os três encontros do ciclo de palestras e debates em torno da obra “A tragédia dos Comuns” popularizada pelo ecologista Garrett Hardin no ensaio “The Tragedy of the Commons“, publicado em 1968 na revista Science.[2 e sua aplicação nas diferentes áreas do conhecimento da Gestão Pública. Projeto de Extensão: “A Tragédia dos Comuns Hoje: Seu Legado no Desenvolvimento de Políticas Públicas” – Uergs/Porto Alegre. 

Promoção: Grupo de Pesquisa Políticas, Gestão Pública e Desenvolvimento Uergs/CNPq e Mestrado em Ambiente e Sustentabilidade da Uergs.

Apoio: CARAV e APEDEMA/RS.

Clique aqui para assistir o vídeo com o palestrante do segundo encontro: Prof. Dr. Leonardo Beroldt.

CRÉDITOS

Imagens do Prof. Celmar e Edição de Vídeo:

Profa. Ana Carolina Martins da Silva – Docente da Uergs e associada das ONGs Membros da APEDEMA/RS – GESP e ASPAN:

Grupo Ecológico Sentinela dos Pampas – Passo Fundo/RS,

Associação São Borjense de Proteção ao Ambiente Natural -São

Borja/RS.

Imagens do evento do dia 23.5.2018: Grupo de Pesquisa Política, Gestão Pública e Desenvolvimento UERGS/CNPq.

Bolsistas:

José Piethro Santos da Silva, Diego Françoes de Souza, Laura Ferraz Bäick.

Imagens das capas de Jornal e de Revistas: Web/Busca Google; Site do Jornal “JÁ”; Blog de Rafael Rangel Winch;  dentre outros.

Fragmento sobre Ostrom: CAPELARI, M.G.B; CALMON,P.C.D.P; ARAÚJO, S.M.V.G.de. Vicent e Elinor Ostrom: duas confluentes trajetórias para a governança de recursos de propriedade comum. Disponível em Cielo: Ambient. soc. vol.20 no.1 São Paulo Jan./Mar. 2017.

Dados sobre a autora do site da INDIANA UNIVERSITY BLOOMINGTON, do texto: “Armadilha da violência – o foco da Palestra inaugural do Memorial de Vincent e Elinor Ostrom.” de Steve Hinnefeld/fev.2015.

Trilha Sonora: Bridges – Dan Lebowitz – Mídia Livre – Biblioteca de Audio do Youtube.

Porto Alegre/RS – Brasil – 26.6.2018.

A Ecologia e as eleições de 2018 – a Plataforma da SOS Mata Atlântica

Esse blog apresenta hoje – com muita alegria e fé no futuro – o primeiro vídeo integrante do Projeto: A Ecologia e as eleições de 2018: “Plataforma da SOS Mata Atlântica para as eleições 2018 – Mário Mantovani”.

Clique aqui para obter cópia da Plataforma da SOS Mata Atlântica.

O Projeto: A Ecologia e as eleições de 2018 tem como objetivo: popularizar ideias, dicas e atitudes de ecologia para pautar os planos de governo a serem apresentados; e as tomadas de decisão de voto nas eleições de 2018. Os primeiros vídeos já estão sendo editados e constam com importantes parcerias com ONGs filiadas à APEDEMA-RS, bem como, outros Movimentos Sociais, docentes de Universidades e pessoas das mais diversas tendências filosóficas que se preocupem com um Plano de Vida Plena e Sustentável para todos – numa ótica mais biocentrista, do que antropocentrista. A promoção do Projeto é uma ação conjunta entre as ONGs Grupo Ecológico Sentinela dos Pampas (Passo Fundo/RS) e Associação Samborjense de Proteção ao Ambiente Natural (São Borja/RS).

Biodiversidade em risco – Palestra de Paulo Brack pede mudança de paradigmas

Importante palestra integrante dos “Seminários de Biologia” da UFRGS. Dia 15/06/2018, 16h, no Anfiteatro da Botânica – Campus do Vale/UFRGS, prof. Paulo Brack, ambientalista e ativista na área da Ecologia, Coordenador do INGÁ (ONG afiliada À APEDEMA/RS) abordou o tema: Biodiversidade. Parabéns a todos e todas!

Principais tópicos abordados:

– Urgência de repensar o modelo de sociedade hegemônica capitalista: acumulação doentia de capital, fonte maior da degradação ambiental:

Alternativas: relações ecológicas colaborativas, solidárias, desprendidas, desapegadas, e não as formas atuais competitivas;

– Urgência de repensar os modelos de relação entre a humanidade e a natureza; mega construções (barragens, estradas), que afetam e devastam mata nativa, animais e retiram do habitat natural populações indígenas, assim como, evitar o uso desenfreado de agrotóxicos.

Alternativas: políticas públicas efetivas de proteção; cumprimento da Constituição Brasileira, Art. 225, mudança de paradigma de desenvolvimento, preservando a biodiversidade existente.

– Urgência de repensar as cidades: desmatamento pela especulação imobiliária; falta de saneamento; dentre outros.

Alternativas: projetos e mobilizações tanto da sociedade quanto dos governos por desenvolvimentos sustentáveis; divulgações, denúncias e a atuação da população junto aos conselhos ambientais e ao Ministério Público, no âmbito Estadual ou Federal; definir os limites para à expansão urbana, para a poluição hídrica, aérea e pelos resíduos sólidos;

– Urgência na inversão de pauta do sistema capitalista.

Alternativas:  mudança individual, moral e ética da sociedade, ao invés de medir a qualidade de vida pelo aspecto econômico, verificar a qualidade de vida real, compartilhada e ambiental.

 

 

 

Paulo Brack pergunta: Guerra contra a Biodiversidade?

Importante palestra integrante dos “Seminários de Biologia” da UFRGS. Na sexta-feira, dia 15/06/2018, 16h, no Anfiteatro da Botânica – Campus do Vale/UFRGS, prof. Paulo Brack, ambientalista e ativista na área da Ecologia, Coordenador do INGÁ (ONG afiliada À APEDEMA/RS) estará abordando esse tema: Biodiversidade. Sabemos dos ataques ao meio ambiente e à vida, porém, nos faltam – às vezes – conhecimentos técnicos. Nesse caso, #Partiu Brack.