Ana Carolina Martins da Silva. Educadora. Ambientalista. Poetisa. Bonequeira.

Arquivo para a categoria ‘Literatura’

Entra – Galo Missioneiro! Minha casa – tua casa!

“O Galo Missioneiro – a trajetória de um militante” conta a história de Olívio Dutra, ex-prefeito de Porto Alegre e ex-governador do Rio Grande do Sul. Numa época de ódio e intolerância, o documentário acompanha o dia a dia do incansável militante Olívio, que continua atuando e lutando por uma sociedade onde as pessoas sejam protagonistas, e não objetos da política. Feito de forma independente e militante, o filme resgata os bons exemplos de políticos e gestões para um mundo mais humanizado. Publicação no canal de Edegar Pretto (em 14 de jun de 2019).

Ficha Técnica: Direção, edição e captações: Thiago Köche Produção e roteiro: Mandato deputado Edegar Pretto, Sonia Rosler e Tina Griebeler Animação e créditos: Lucas Argenta Edição de som e mixagem: Humberto Schumacher Caligrafia do título e desenho publicitário: Betina Cammardelli Köche Músicas: Marcha Nupcial de Wagner (interpretada por Kevin MacLeod), Cena Beatnik de Nei Lisboa, Cruz Missioneira de Pedro Ortaça, A Luz do Amanhecer de Gelson Oliveira, Galo Missioneiro com voz e violão de Antônio Gringo e gaita de Ceceu Dorneles e Milonga para Mujica de Humberto Schumacher Apoio: Casa de Cinema de Porto Alegre, Finish Produtora, Fetrafi-RS e SindBancários

 

Lançamento do livro da Schariza Barberena, O SOL VEIO PARA PARTIR. 

Lançamento do livro da Schariza BarberenaO SOL VEIO PARA PARTIR.  Sucesso!!!

(A quem desejar adquirir o livro: rossyr@editoraalcance.com.br / schariza@gmail.com )

Schariza Barberena Foto Ed. Alcance

Veja TODAS as fotos e assista o vídeo da festa: 

 

Tropicalia ou panis et circenses – atualíssima!!

Recordar é viver! Entrevista fantástica com o poeta e docente da UFRGS  Prof. Dr. Guto Leite, sobre o Álbum: Tropicalia ou panis et circenses (CAETANO VELOSO, GILBERTO GIL, MUTANTES e outros). Parte integrante do conjunto de 8 entrevistas com especialistas da área da Leitura e da Literatura, sobre obras da Bibliografia exigida pelo processo seletivo de vestibular da UFRGS/2015, que também selecionava acadêmicos para o Curso Ciências Biológicas do convênio UERGS/UFRGS. Data da veiculação deste estudo, em forma de Programa de Rádio, na Rádio Comunitária Momento FM, 98.1 de Osório/RS: 24/11/2014 das 18h às 19h.

Guto Leite Foto: Editora Moinhos

O Projeto de Extensão “Biblioteca no Rádio e na Rede” foi uma parceria entre a Pós Graduação em Teoria e Prática da Formação do Leitor (Uergs/Porto Alegre), a Unidade no Litoral Norte – Osório, a Rádio Momento FM 98.1 e a Biblioteca Pública Municipal Fernandes Bastos de Osório/RS. Vinheta: Ivan Therra e Lizzi Barboza.Imagens (algumas da WEB) outras próprias da equipe do Programa. Edição e audio: Profa. Ana Carolina Martins da Silva e Equipe da Rádio Momento FM 98.1 – Osório/RS. 2014. Foi Publicado em 24 de nov de 2014

Ricardo Cardim e as Árvores Gigantes do Brasil

Países como Alemanha, EUA e Canadá, com uma biodiversidade ínfima comparado ao Brasil, tem livros publicados com algumas das maiores árvores do seus territórios – as mais antigas, interessantes, entre outros atributos. Dono de Hot Spots mundiais como o Cerrado e a Mata Atlântica, o Brasil é um país que abrange uma coleção fantástica de árvores nativas seculares e de proporções imensas. Como então não temos nenhum livro apresentando essas gigantes?

Pensando nisso, publicamos o livro “Remanescentes da Mata Atlântica: As Grandes Árvores da Floresta Original e seus Vestígios”, que conta uma história visual da Mata Atlântica e apresenta cerca de 90 exemplares incríveis observados em 12.500 km de expedições pelo bioma. São preciosidades como jequitibás, perobas e figueiras sobreviventes de cinco séculos de devastação predatória. Clique aqui para saber mais!!!!

Curso Língua Portuguesa e Literatura: “Crônicas do Cotidiano” para Idosos – na PUC

Vale a pena conferir!!

Curso Língua Portuguesa e Literatura: “Crônicas do Cotidiano” para Idosos

Para pessoas com 60 anos ou mais, o curso tem o objetivo de proporcionar aos alunos situações de aprendizagem focados no uso da Língua Portuguesa e no contato com a literatura brasileira e universal para a construção de crônicas/relatos do cotidiano de cada um.

Inscrições até 27/03. Saiba mais em: https://goo.gl/4RC3h7

A Coordenação e as aulas são com a qualificadíssima Profa. Dra. Ana Márcia Martins da Silva!!

Recordar é viver – atualíssimo Machado de Assis!

Bom dia a todos e a todas! Enquanto preparo o ano letivo para a Uergs e abro caixas e mais caixas no apartamento novo na cidade nova, vou fazendo um “vídeo-show” campeiro por aqui. Reconduzo um Registro em vídeo da entrevista que dei sobre Esaú e Jacó de Machado de Assis. Essa entrevista foi Parte integrante do conjunto de 8 entrevistas com especialistas da área da Leitura e da Literatura, sobre obras da Bibliografia exigida pelo processo seletivo de vestibular da UFRGS/2015, que também selecionava acadêmicos para o Curso Ciências Biológicas do convênio UERGS/UFRGS. Aqui estou sendo entrevistada pelo então diretor da Rádio Comunitária Momento FM, 98.1, o jornalista Omar Batista Luz.

A Data da veiculação desse estudo, em forma de Programa de Rádio, na Rádio Comunitária Momento FM, 98.1 de Osório/RS foi 27/11/2014 das 18h às 19h. O Projeto de Extensão “Biblioteca no Rádio e na Rede” foi uma parceria entre a Pós Graduação em Teoria e Prática da Formação do Leitor (Uergs/Porto Alegre), a Unidade no Litoral Norte – Osório, a Rádio Momento FM 98.1 e a Biblioteca Pública Municipal Fernandes Bastos de Osório/RS. Vinheta: Ivan Therra e Lizzi Barboza. Imagens (algumas da WEB) outras próprias da equipe do Programa. Fiz a Edição e o Áudio: auxiliada pela Equipe da Rádio Momento FM 98.1 – Osório/RS em 2014.

64ª Feira do Livro de Porto Alegre – Lá vai o trem com o menino…

Abertura – memória boa com as amigas da SEDUC – Maria Marizetti, Marilis Martins Aguiar, Iara Almeida e Lígia.

A presença mais-do-que-sempre-presente de Ayres Cerutti.

Prefeito de Porto Alegre Nelson Marchezan Júnior abre a Feira. Foto: Maria Marizetti

Mais uma Feira do Livro de Porto Alegre, para Porto Alegre; para mim – outro significado… nostalgia…despedida. Não consegui participar de toda, mas os passeios, as visitas ao site e a participação em algumas atividades me colocam sempre na mesma condição de fã! Parabéns, Sônia Zanchetta e – em seu nome – parabéns a todos e a todas da 64 Feira do Livro de POA.

PROGRAMAÇÃO DO MEMORIAL DO JUDICIÁRIO NA FEIRA DO LIVRO – Ontem – 16/11, às 15h, no Auditório Barbosa Lessa do Centro Cultural Erico Verissimo (localizado na Rua dos Andradas, 1223, 4° andar) – painel “Fake News e o comportamento digital.” Participaram a Juíza de Direito Márcia Kern e Leonardo Zanatta, Advogado especializado em Direito Digital.

Lançamento: “O caranguejo”, ocorrido no dia 15 de novembro, 16:30. Livro de Liniane H. Brum, filha do nosso querido Lino Brum. Da Editora Patuá. Vale a pena conferir.

Dulce Helfer e Joel Lopes

Ana Carolina, Leonardo Melgarejo e esposa e Renato Barcelos

Maria Lúcia Pereira de Sampaio, filha do cartunista Sampaio, Ana Carolina e Ayres Cerutti. O livro ‘Ria por favor’ reúne cartuns de Santigo, e esteve sendo distribuído gratuitamente na BANCA DA ARI NA FEIRA. Segundo o Jornalista Glei Soares, autor dessas fotos e responsável pela Banca da ARI/2018, “Estão no livro, os cartuns de Sampaio publicados na Revista do Globo entre 1947 e 1955. São cenas de multidão onde, 40 anos antes de “Onde está Wally”, os leitores tinham que encontrar um homenzinho fazendo xixi (de costas, naturalmente). Sampaio era o irmão mais velho do também chargista SamPaulo.

Lançamento: Agricultura familiar, desenvolvimento e participação social – ações coletivas horizontalizadas 18 de novembro, 14:30, No C.Comércio.

Livro Agricultura familiar, desenvolvimento e participação social – ações coletivas horizontalizadas – Marilise Oliveira Mesquita (Org)

Ayres Cerutti – sempre – o meu Guia na Feira.

Para encerrar, então, chamo o site oficial da Feira do Livro – Clique aqui – com suas maravilhosas fotos de registro de tudo e de todas!

A patrona,, sua neta e o presidente da Câmara Rio-Grandense do Livro, Isatir Bottin Filho, puxaram o cortejo, com algumas paradas para a patrona descansar. Enquanto a praça ia sendo melancolicamente desocupada e os livreiros iam desmontando as barracas, eles receberam as tradicionais rosas vermelhas dos seguidores do cortejo. Um ato de gratidão por manter os livros sempre livres de opinião e criatividade para os porto-alegrenses. (…) Texto: Thaís Seganfredo

Fotos: Diego Lopes e Pedro Heinrich